5 dicas para acertar na escolha do fornecedor para seu projeto de decoração

01 FEV 2020
• Dicas

O resultado de um bom projeto é sinônimo de trabalho em equipe. Para que ele dê certo, não basta apenas aquela famosa sintonia entre arquitetos e seus clientes, o que caracteriza o famoso atendimento de qualidade. Uma boa gestão interna de pessoas, um cronograma bem organizado e executado e um planejamento financeiro adequado à realidade do cliente são outras características que ajudam a atingir o projeto perfeito.

Por isso, para que o sonho de uma casa ou escritório bem decorado dê certo e não seja um processo estressante, é essencial contar com fornecedores de qualidade. Mas como escolhê-los? É o que mostramos para você a seguir.

 

1 – Analise o trabalho do fornecedor

Veja com quais marcas ele trabalha, os projetos que já realizou, seu posicionamento no mercado e verifique também com outros profissionais seu modus operandi, se ele costuma cumprir prazos e tem um bom relacionamento de trabalho. Se um fornecedor tem um ótimo produto mas não cumpre prazos, contratá-lo pode ser sinônimo de dor de cabeça. O mesmo vale para o contrário. Se ele tem um bom relacionamento, cumpre prazos, mas não tem um produto de qualidade, contratá-lo não é uma boa ideia.

 

2 – Preste atenção na qualidade do produto

Qualidade deve vir sempre em primeiro lugar quando se fala em contratar um fornecedor. Mas como saber se seu produto é durável, resistente e possui um bom design? Pesquisar ainda continua sendo a melhor das estratégias. Além de conversar com outros profissionais para saber de suas experiências com o fornecedor, é interessante pensar em questões mais abrangentes. A mão de obra desse fornecedor é de qualidade? Ele leva em conta princípios sustentáveis, como o uso de madeira de reflorestamento ou materiais recicláveis, por exemplo? Respeito a cadeia produtiva? Tudo isso deve contar na hora de analisar a qualidade do produto do seu fornecedor.

 

3 – Fique atento aos prazos

Esse é um dos itens mais discutidos quando se fala em fornecedores. Cumprir prazo é essencial para um bom andamento de projeto e para que ele seja finalizado no prazo estabelecido pelo cronograma. Mais uma vez, conversar com quem já o contratou sempre ajuda, mas alguns detalhes podem dar pistas sobre pontualidade. Observe o tamanho de sua equipe, se ela está de acordo com a demanda que o fornecedor costuma trabalhar e sua estrutura de atendimento.

 

4 – Avalie o custo-benefício do produto do fornecedor

Ele está de acordo com o orçamento do seu cliente? De nada adianta um fornecedor impecável, mas que seu cliente não possa pagar. Avalie também as formas de pagamento e a flexibilidade do fornecedor quanto a elas. Se ele tiver um produto inovador, mas mais caro, você pode redistribuir custos entre os outros fornecedores de modo a adquirir o produto.

 

5 – Inovar é preciso

Uma característica interessante mas pouco mencionada na hora de contratar um fornecedor é sua capacidade de inovar. Em um mercado como o da arquitetura e do design de interiores, quem não se atualiza tem muitas chances de não estar cumprindo os requisitos mencionados anteriormente. Portanto, analise se o fornecedor está de olho nas novas tecnologias, se acompanha as tendências de mercado e comportamento e se é aberto a novidades.

 

Já conhece o Clube Lider? Acesse www.clubelider.com.br e conheça o nosso programa de pontuação aberto a profissionais de decoração, arquitetura e design de interiores!

as cores mais versáteis para poltronas